Eclipse da Super Lua de Sangue…

 

Nesta presente data estamos presenciando um dos fenômenos mais intensos da Lua, ou da energia Feminina. O fenômeno é raro e acontece em eclipses da Superlua. O eclipse lunar ocorre quando Sol, a Terra e a Lua estão em perfeito alinhamento, e o planeta fica no centro. Em relação ao Sol, a Lua é ocultada pela Terra, ou seja, os raios solares não chegam até o satélite, e a sombra do planeta é projetada na Lua, que “escurece”.

 

Porque Super Lua?

Este fenômeno natural ocorre quando o satélite está na sua fase cheia e no ponto mais próximo da Terra, conhecido como perigeu. Perigeu é o nome dado para o ponto mais próximo que a Lua atinge em relação ao planeta Terra. O perigeu pode ser aplicado para qualquer astro celeste, indicando que se encontra no ponto mais próximo da Terra em relação a sua órbita.

A junção dos dois fenômenos, eclipse lunar e lua em seu perigeu (ponto máximo próximo a Terra), causa a Lua de Sangue. A cor avermelhada deve-se a uma relação entre a proximidade da Lua com a atmosfera terrestre e os raios solares.

O sol emite luzes de todas as cores, mas quando a Lua está próxima da Terra, apenas as cores de baixa frequência, como o vermelho, são refletidas da atmosfera terrestre para o nosso satélite natural, o que torna a Lua vermelha.

A superlua acontece sempre que ela atinge sua fase cheia a menos de 24 horas do perigeu. Quando isso ocorre, vemos uma lua maior e mais brilhante, principalmente quando ela surge no horizonte.

Segundo a Agência Espacial dos Estados Unidos (NASA), as superluas acontecem, em média, uma vez por ano. No entanto, em 2015, o fenômeno ocorreu três vezes.

A Lua de Sangue, por sua vez, é algo raro de se presenciar, pois depende de o eclipse total lunar ocorrer justamente no período de superlua.

 

Porque Lua Azul?

 

Lua Azul é o termo utilizado para explicar uma segunda Lua Cheia no mês, já que contamos com 13 ciclos lunares anuais, possibilitando assim um mês com duas Cheias, ou a Lua Azul, energeticamente apresenta uma energia extra, ou uma Lua de Poder potencializado.

Então teremos três fenômenos em um só, marcando o epicentro de energia para esse novo ano, para a Nova Era e para o Novo plano do Grande Arquiteto para o mundo.

 

O que essa energia tem a nos ensinar?

 

Lua do dia 31 será marcada por fortes ondas de energias. Cada fenômeno astronômico possui uma particularidade e emana um tipo de energia, mas um fenômeno Lunar emana vibração feminina e tem seu potencial voltado para questões emocionais.

Durante a Superlua, são indicados para rituais, feitiços e ofertas aos Deuses.

Um momento único para a magia interior, para a meditação, para a introspecção e principalmente pela Cura. Sua vibração é mais intensa e mexe ainda mais com o emocional de todos.

Tempo de agradecimento, de autoconhecimento, ideal para jogos de oráculos e rituais de magia.

Para quem segue a religião Wicca no dia 1 de fevereiro é no hemisfério sul celebrado o sabá de Lammas a “Primeira Colheita”, ou para quem segue o hemisfério norte o sabá de Imbolc “A Festa das Luzes”, muitos vão aproveitar essa noite especial para celebrar o sabat de Lammas.

Se você esta começando na magia, essa noite é perfeita para se apresentar aos Deuses, eu fiz minha iniciação em uma Lua de Sangue, pode um ritual pequeno e simples para se conectar mais com as energias do universo e os ciclos da natureza.

Não deixe de aproveitar essas energias…